Estudo dos efeitos da implantação de empreendimentos hidroelétricos na região hidrográfica do rio Paraguai e criação de uma nova metodologia de outorga

Este projeto pertence aos seguintes programas: Desigualdades, Direitos e Governanças

Status: Realizado

Coordenação: Maurício Amazonas e Salete Valesan Camba
Financiamento: Fundação Eliseu Alves – FEA
Instituições parceiras: Universidade de Brasília (UnB)

 

O Projeto de Pesquisa e Inovação tem por objetivo, partindo de bases técnico-científicas consolidadas, estudar os efeitos da construção de empreendimentos hidrelétricos (CGHs, PCHs e UHEs) na Região Hidrográfica do rio Paraguai, quanto aos aspectos socioeconômicos e de energia. Ou seja, ampliar a análise multidisciplinar dos impactos dos empreendimentos hidrelétricos nos usos múltiplos da água da RH do rio Paraguai (RHP) visando aprimorar os instrumentos de gestão dos recursos hídricos, criar uma inovadora metodologia no uso do instrumento de outorga, tornado mais consistente o processo decisório, e que seja alinhada aos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável descritos na Agenda 2030 da ONU.

Período: Outubro de 2017 a outubro de 2020.Fundação Eliseu Alves – FEA

 

Entre em contato

Precisando de ajuda ou quer tirar alguma dúvida? Entre em contato conosco!

Brasília (sede)

SAIS Área 2-A, s/n, 1º andar, sala 121, CEP: 70610-900, Brasília (DF), Brasil

flacsobr@flacso.org.br

Rio de Janeiro

Rua São Francisco Xavier, nº 524, 12º andar, sala 12.111, CEP: 20550-013, Rio de Janeiro (RJ), Brasil.

secretaria.academica@ flacso.org.br

São Paulo

Avenida Ipiranga, nº 1.071, sala 608, República CEP: 01039-903, São Paulo (SP), Brasil