Consumo de bebidas alcoólicas no Brasil – Estudo de padrões de consumo de bebida na América Latina (EPCA)

Pesquisa realizada em 2012 resultou num Relatório Consumo do Álcool no Brasil, pesquisa com base em fontes secundárias com informações e reflexões sobre o consumo das bebidas alcoólicas no Brasil. Este estudo de caráter nacional, desenvolvido no âmbito antiga Área de Saúde Pública e Direitos Humanos da Faculdade Latino-americana de Ciências Sociais (Flacso Brasil), buscou dar conta da complexidade do fenômeno do uso de drogas, levando-se em conta a multiplicidade de aspectos que envolvem a experiência de consumo dessas substâncias: psicológicos, éticos, sociológicos, culturais, jurídicos, econômicos, políticos, no sentido de contribuir para a construção de políticas públicas abrangentes. No levantamento de evidências sobre o consumo de bebidas alcoólicas no país, esse estudo considerou tanto estudos quantitativos quanto qualitativos.

Objetivos

– Produzir um agregado significativo de dados que contribua para esclarecer padrões e motivações de uso do álcool no Brasil.

– Assinalar os danos sociais decorrentes do seu uso problemático.

– Assinalar o alcance das políticas públicas de atendimento à população direta ou indiretamente envolvida.

Público envolvido

Pesquisa bibliográfica

Período

Abril a junho de 2012

Abrangência

Nacional

Equipe

Sergio Alarcon

Helena Maria Leal David

Maria Lucia Karan

Francisco Inácio P.M. Bastos

Rita de Cássia Cavalcante Lima

Flavia Cavallo Pfeil

Sonia Izecksohn