Seis fundações de ensino superior serão incorporadas pela Universidade Estadual de Minas Gerais (Uemg), que terá a quantidade de cursos. A lei que dispõe sobre a estadualização das instituições foi sancionada pelo governador Antonio Anastasia e publicada no Diário Oficial Minas Gerais no último sábado (27). Segundo a Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Sectes), com a medida, os alunos matriculados nas fundações, que hoje pagam pelos cursos, terão direito à gratuidade das mensalidades.